TEATROTERAPIA DA VIDA


Método terapêutico que visa o acesso e a expressão de emoções e memórias corporais e afetivas, interação grupal e autoconhecimento, propiciando o treino de habilidades e possibilidades resolutivas para os conflitos e dramas pessoais. Para tanto estimula o uso da espontaneidade e da criatividade na sua resolução. 

Esta fundamentado em técnicas do Método Boal de Teatro e Terapia, no Teatro da Espontaneidade de Moreno, psicomotricidade e abordagens corporais, além de ferramentas do teatro como a teatralidade, a improvisação e os jogos dramáticos. Este recurso é desenvolvido desde 1997 pela Doutora Márcia Pontes Mendonça, precursora deste Trabalho.

Márcia Pontes Mendonça é terapeuta ocupacional graduada pela UFSCar, com especialização em Gerontologia (UFSC), Mestrado e Doutorado em Saúde Pública (USP). Foi Professora Adjunta da UFSCar, do Departamento de Terapia Ocupacional de 1993 a 2012. Tem atuação prática de 30 anos, junto a pessoas adultas e idosas. Em 1997 desenvolveu o recurso terapêutico denominado Teatro Espontâneo do Cotidiano – abordado em sua tese de doutorado – que visa tratar conflitos pessoais e grupais. Atendeu centenas de pessoas, além de oferecer cursos de formação, workshops, publicações e apresentações científicas, utilizando esse recurso. É autora de artigos científicos, docência e pesquisas na área de Gerontogeriatria e atividades expressivas.

Márcia Pontes também oferece um curso de formação para facilitadores dessa preciosa ferramenta de trabalho em grupo. Confira na agenda as formações em Teatroterapia da Vida.

A Teatroterapia da Vida é aplicada em workshops e nos retiros do Jogo da Vida.

Arrow
Arrow
ArrowArrow
Slider